PhotoCatalysis.info

Por um mundo melhor

                contato@photocatalysis.info
  • RSS
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • email

O dióxido de titânio (TiO2) é o foco de uma pesquisa pioneira do professor Akira Fujishima (Tokyo University Science, Japão)  e definiu sua carreira como Químico. Também é usado em uma variedade de formas, que continuam a mudar o mundo para melhor.

Fujishima é conhecido por suas descobertas, sendo que a mais proeminente é a habilidade do TiO2 para mediar a decomposição da água, produzindo H2 e O2, sob ação da luz. As pesquisas subseqüentes e as aplicações resultantes só têm servido para impulsionar sua importância nos círculos científicos.

“O dióxido de titânio é um material muito interessante e único. Ainda hoje continua a estar no centro da investigação em fotocatálise”, diz Fujishima com uma pitada de orgulho.

Assista a entrevista:

As duas principais descobertas do Professor Fujishima foram que a luz solar, em combinação com o TiO2, permite a decomposição da água em oxigênio e hidrogênio, e mais tarde que o TiO2 tem uma forte afinidade com a água, uma característica conhecida como superhidrofilicidade.

“Quando fiz a descoberta, fiquei muito impressionado com o oxigênio produzido na decomposição fotocatalítica da água, porque, essencialmente, eu tinha sido capaz de imitar a fotossíntese. Como a clorofila nas plantas, eu estava usando o poder do sol para decompor a água e produzir oxigênio”, diz Fujishima .

Sua descoberta foi manchete em várias revistas. Implacável, Fujishima continuou  publicando suas pesquisas: desde a publicação na “Nature” , em 1972, e pelos anos seguintes. O momento da publicação foi perfeito: a crise do petróleo que abalou o mundo colocou a pesquisa sob os holofotes. Sua descoberta inicial e a pesquisa subseqüente formou a base  de prosperidade para a pesquisa sobre a Fotocatálise .

Um pesquisador inveterado, Fujishima continuou a avançar para abrir caminho e facilitar a descoberta de novas aplicações de TiO2, que tem sido fundamental para o desenvolvimento de tecnologias de purificação do ar e da água, bem como de auto-limpeza, anti- embaciamento e aplicações anti-manchas.

O mais difundido e, talvez, o exemplo mais simples de aplicações de TiO2 é o de edifícios auto-limpantes. Azulejos e outras superfícies revestidas com TiO2  podem permanecer limpas graças às propriedades da substância. A luz solar provoca a oxidação que destrói  a sujeira enquanto o superhidrofilicidade das substâncias faz com que a água se espalhe, mantendo as superfícies limpas. Purificadores de ar e espelhos anti-embaçamento  são outras aplicações populares. TiO2 pode  decompor a água, matar as bactérias, e decompor substâncias que causam odores, como o de tabaco ou exalados pelos animais de estimação. É verdadeiramente uma substância incrível. Atualmente, entre os fotocatalisadores, o TiO2 é o mais eficiente em termos de fotoatividade, estabilidade e também é o mais barato.

O novo Centro de Pesquisa Internacional de Fotocatálise (Japão) foi inaugurado em abril de 2013, custou quase 1 bilhão de ienes, e tem a coordenação do Professor Fujishima. O prédio abriga uma equipe de pesquisadores que trabalha na investigação fundamental e aplicada da fotocatálise. O centro está organizado em três grupos. Um grupo de auto-limpeza , que avalia o desempenho das tecnologias que utilizam superfícies autolimpantes,  tais como janelas e paredes; um grupo de fotossíntese artificial que realiza experimentos usando a luz solar , e um grupo de remoção de poluentes ambientais, que pesquisa maneiras de despoluir o ambiente com fotocatalisadores compósitos.

A fotocatálise  está cada vez mais espalhando por todo o mundo. E a margem de crescimento é grande. De acordo com o Professor Fujishima, as aplicações da fotocatálise se extendem para a área da saúde, energia e agricultura hidropônica. Encontrar uma maneira eficiente e acessível para decompor a água e produzir hidrogênio teria implicações imensas para o mundo . Enquanto isso , a pesquisa com a agricultura hidropônica está mostrando que o uso de TiO2 para manter a água limpa resulta melhor crescimento das plantas.

Entrevista completa:  http://www.tus.ac.jp/en/initatives/vol01/

Categorias: Estudantes, Midia, Sociedade

Você deve estar registrado para postar um comentário.

Vídeo

Prof. Fujishima fala sobre a fotocatálise.



Destaques


Guia de Navegação

O PhotoCatalysis.info é dedicado a profissionais das várias áreas, pesquisadores, ...


Mercado para superf

Estima-se que o mercado para superfícies e recobrimentos autolimpantes alcance ...


Pavimento fotocatal

Em parceria com a Associação Brasileira de Cimento Portland (ABCP), ...


Highway Research Pro

The ability of concrete surfaces formulated with  photocatalytic cement to reduce ...


43 anos da descobert

O dióxido de titânio (TiO2) é conhecido há muito tempo, mas ...


Revendo os modelos c

O grupo do Professor Andrew Mills acaba de publicar um ...



Apoio